quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Petrobras prorroga prazo para venda de participação em petroquímica

A Petrobras anunciou a prorrogação - por mais 30 dias - das negociações com a mexicana Alpek, que envolvem a venda de suas participações na Companhia Petroquímica de Pernambuco (Petroquímica Suape) e na Companhia Integrada Têxtil de Pernambuco (Citepe).

Segundo a nota da estatal brasileira, distribuída ontem (27) à noite, a transação com a companhia mexicana “ainda está sujeita à negociação de seus termos e condições finais e à deliberação pelos órgãos competentes da Petrobras e da Alpek, bem como à aprovação pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica”.

A vendas das duas participações foi aprovada pela diretoria executiva da Petrobras no dia 28 de julho quando foi dada exclusividade para a Alpek para as negociações de compra pelo prazo de 60, agora prorrogado por mais 30 dias.

Venda de ativos

A venda está inserida no plano de desinvestimentos da estatal brasileira e que prevê a venda de ativos de US$ 19,5 bilhões, conforme o novo Plano de Negócios e Gestão da Petrobras 2017-2021, como forma de reduzir o seu endividamento e gerar caixa e continuar financiamento novos projetos e o desenvolvimento da produção sem aumentar ainda mais a alavancagem da companhia.

A Alpek é uma empresa mexicana de capital aberto e que atua no setor petroquímico, onde ocupa uma posição de liderança na produção de polímeros e filamentos de poliéster - matéria-prima para a produção de filamentos e tipos de fios para diferentes usos na indústria.


Fonte: Nielmar de Oliveira - Repórter da Agência Brasil
Postar um comentário

Funcionário da JBS morre após cair em máquina de processamento de aves

A JBS informou que o acidente aconteceu durante a higienização de um dos equipamentos da fábrica O funcionário da JBS, José Eudes Ferrei...